Notícia

26/03/2018

MORINGA CHEIA APRESENTA SEUS PRIMEIROS RESULTADOS

O Programa Integrado de Conservação de Solo e Água do Paraná - PROSOLO PARANÁ  integra diversos programas e ações relacionados ao propósito de conservação de solo e água, como o Programa de Gestão de Solo e Água em Microbacias, o Programa PRORURAL,  a Campanha Plante Seu Futuro,  o Pronasolos e o Moringa Cheia.

O MORINGA CHEIA surge pela necessidade e entendimento da Companhia de Saneamento do Paraná – SANEPAR, de que os cuidados com o solo e a qualidade da água oferecida ao cidadão paranaense ocorrem de maneira integrada e indissociável. Tendo isso em mente, este Sub Programa vem no intuito de apoiar o produtor rural na conservação do solo, cuja propriedade encontra-se dentro das bacias de captação para tratamento da água em todo o Estado. Os benefícios desta ação são inúmeros, proporcionando a redução no custo de tratamento da água, melhorando a qualidade da água e preservando o maior patrimônio do homem do campo, o solo.

O subprograma MORINGA CHEIA prevê um trabalho de recuperação de rios, nascentes e cursos d’água no entorno das áreas de captação de água para o abastecimento dos municípios do Paraná atendidos pela SANEPAR.

O projeto, que já está em sua fase final, foi fruto de um trabalho conjunto desenvolvido entre entidades parceiras do PROSOLO. Financiado pela SANEPAR, o projeto foi elaborado pela EMATER e executado pela CODAPAR. O trabalho realizado mostra a importância e a força de ações conjuntas, como resultado dessa sinergia preconizada pelo PROSOLO.

A primeira ação do MORINGA CHEIA foi a execução das obras de controle e recuperação em uma voçoroca no Reservatório do Rio Iraí, no município de Pinhais. Trata-se de um passivo ambiental de dezessete anos que existe deste a época da construção da barragem.

Esta voçoroca no Rio Iraí foi escolhida para ser o projeto-piloto do programa e sua metodologia deve ser replicada em outros reservatórios, possibilitando o manejo adequado dos solos e das águas com preservação das Áreas de Proteção Permanente – APPs e das microbacias nos mananciais de captação de água em todo o Estado do Paraná.

As vinculadas da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, EMATER, elaborou o projeto e a Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná – CODAPAR executou a obra.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.